Concurso para criação de mascote para o comércio

Eventos, Noticias

 In Eventos, Noticias

A ACIF-CCIM, através da Mesa do Comércio Lojista, em parceria com a Secretaria Regional de Educação, lança um concurso dirigido aos estudantes do ensino secundário e do ensino profissional nível 4, para a criação de uma mascote para o comércio urbano, que recolha a simpatia de todas as gerações, especialmente a dos mais jovens, que facilmente influenciam as opções de compra dos seus progenitores, e que evidencie as características deste tipo de comércio.

Os trabalhos são individuais e têm que apresentar o esboço da mascote em três vistas: frente, perfil e costas.

As inscrições decorrem de 10 a 31 de janeiro de 2019.

A entrega dos trabalhos decorre até ao dia 29 de março e poderá ser efetuada em suporte papel ou suporte digital.

O objetivo deste concurso é criar uma imagem que seja facilmente associada ao comércio urbano, que seja um elo de ligação com o público mais juvenil, que desperte a curiosidade e que crie laços de afetividade.

O esboço vencedor será posteriormente materializado numa mascote que irá circular pelo Funchal e por outros centros urbanos, com o intuito de criar dinâmica e de sensibilizar a população para a importância das lojas de rua, vulgarmente chamadas comércio tradicional.

Estão ainda previstas deslocações às escolas da Região, no sentido de sensibilizar os mais jovens para o comércio urbano, através de alguns recursos didáticos que despertem o seu interesse e que expliquem a história de algumas lojas, testemunhada por várias gerações.

Salientamos o facto de esta iniciativa ter o mérito de unir todas as lojas do centro do Funchal, em torno de um objetivo comum, que é o aumento das suas vendas e da sua rentabilidade, conjugando a vertente comercial com a vertente educacional, presente no concurso e nas palestras que serão levadas a cabo junto dos alunos.

 

Aconselhamos a leitura do Regulamento

Anexo I

Anexo II

Cartaz

Uma iniciativa ACIF-CCIM em parceria com a Secretaria Regional de Educação para promover o comércio urbano, associando a vertente comercial à vertente educacional.

Start typing and press Enter to search