INTERREG – MAC 2014-2020

2.ª Convocatória

4p0rt

Designação do Projeto: Transição de entidades e empresas portuárias do espaço de cooperação MAC para a Indústria 4.0 e Portas Inteligentes

Código do Projeto: MAC2/2.3d/326

Objetivo principal: Melhorar a competitividade das empresas do setor do turismo e tecnologia do espaço de colaboração por meio da definição de desenvolvimento e execução de uma estratégia baseada em torno da Indústria 4.0 e digitalização

Região de intervenção: Madeira – Canárias – Senegal – Cabo Verde – Mauritânia

Entidade beneficiária:
Fundación Canaria Puertos de Las Palmas
Asociación de Empresas Tecnológicas Innovalia
Cluster Marítimo de Canarias
Asociación Canaria de Startups, Empresas de Base Tecnológica e Inversores Ángeles (EMERGE)
Autoridad Portuaria de Las Palmas
Federación Provincial de la Pyme del Metal y Nuevas Tecnologías – Femepa
APRAM – Administração dos Portos da Região Autónoma da Madeira, S.A.
Associação Comercial e Industrial do Funchal – Câmara de Comércio e Indústria da Madeira (ACIF-CCIM)
Port Autonome de Dakar
ENAPOR, SA (Portos de Cabo Verde)
Port Autonome de Nouadhibou
Port Autonome de Nouackchott
Etablissement Portuaire de la Baie de Repos

Data de início: 1.8.2019
Data de conclusão: 31.7.2022
Custo total elegível do Projeto: 1 169 903,43 €
Custo total elegível ACIF: 73 082,14 €
Comparticipação FEDER 85%: 62 119,82 €
Comparticipação privada: 10 962,32 €

BLUE-TEC

Código do Projeto: MAC2/2.3d/288
Objetivo principal: Criação de um modelo inovador de cooperação comercial e crescimento inteligente para gerar maior valor agregado e melhorar a oferta comercial do setor náutico e portuário da Macaronésia
Região de intervenção: Canárias, Madeira, Açores, Cabo Verde e Mauritânia
Entidade beneficiária:
Entidad Pública Empresarial Puertos Canarios
Federación Provincial de Empresas del Metal y Nuevas Tecnologías de Santa Cruz de Tenerife – FEMETE
Cluster Marítimo de Canarias
Federación Provincial de la Pequeña y Mediana Empresa del Metal y las Nuevas Tecnologías de Las Palmas – FEMEPA
Agrupación Empresarial Innovadora – AEI Turismo Innova Gran Canaria
Associação comercial e Industrial do Funchal – Câmara de Comercio e Indústria da Madeira (ACIF-CCIM)
Clube Naval da Horta
Câmara do Comércio e Indústria da Horta
Câmara Municipal de São Vicente
Port Autonome de Nouadhibou

Data de início: 1.11.2019
Data de conclusão: 31.12.2021
Custo total elegível: 644 182,25 €
Custo total elegível da ACIF-CCIM: 78 402,28 €
Comparticipação FEDER 85%: 66 641,94 €
Comparticipação privada: 11 760,34 €

 

Site: https://blue-tec-mac.eu/

CUSTOMS

Designação do Projeto: Sistema de facilitação do comércio para aumentar a intercâmbio comercial no espaço de cooperação e no espaço de cooperação com o exterior
Código do Projeto: MAC2/2.3d/369
Objetivo principal: Impulsionar o crescimento dos fluxos comerciais entre as distintas regiões do espaço de cooperação mediante o aumento da promoção comercial e a melhoria da eficiência do sistema aduaneiro comum e não comum do espaço de cooperação.
Região de intervenção: Canárias, Madeira, Açores, Senegal e Cabo Verde
Entidade beneficiária:
Sociedad Canaria de Fomento Económico, S. A.
Dirección General de Promoción Económica
Agencia Tributaria Canaria
Associação Comercial e Industrial do Funchal – Câmara de Comércio e Indústria da Madeira (ACIF-CCIM)
Instituto de Desenvolvimento Empresarial – IP – RAM (IDE IP-RAM)
Câmara do Comércio e Indústria de Ponta Delgada
Direction Generale des Douanes
Agence de Développement et d’Encadrement des Petites et Moyennes Entreprises (ADEPME)
Direção Geral das Alfândegas-Ministério de Finanças
Cabo Verde Trade Invest
Direção Nacional de Receitas do Estado

Data de início: 1.10.2019
Data de conclusão: 30.9.2022
Custo total elegível:
1 168 238,66 €
Custo total elegível da ACIF-CCIM: 205 379,58 €
Comparticipação FEDER 85%: 174 572,64 €
Comparticipação privada: 30 806,94 €

 

DATALAB

Código do Projeto: MAC2/2.3d/323
Objetivo principal: Melhorar a competitividade das empresas do setor de turismo e tecnologia no espaço de colaboração através da definição, desenvolvimento e execução de uma estratégia baseada em big data e análise de dados de tendências e comportamento do turista
Região de intervenção: Canárias, Madeira, Açores e Cabo Verde
Entidade beneficiária:
Sociedad de Promoción Económica de Gran Canaria, SAU
Ayuntamiento de Las Palmas de Gran Canaria-Concejalía Delegada de Ciudad del Mar
Intituto Tecnológico de Canarias
Associação Comercial e Industrial do Funchal – Câmara de Comércio e Industria da Madeira (ACIF-CCIM)
FRCT – Fundo Regional para a Ciência e Tecnologia
PROEMPRESA
Direção Geral do Turismo e Transportes de Cabo Verde
Núcleo Operacional para a Sociedade de Informação (NOSI)

Data de início: 1.9.2019
Data de conclusão: 31.8.2022
Custo total elegível:
1 314 477,68 €
Custo total elegível da ACIF-CCIM: 122 643,58 €
Comparticipação FEDER 85%: 104 247,04 €
Comparticipação privada: 18 396,54 €

 

 

FiiHUB

 

 

Designação do Projeto: FiiHUB – Fiware Digital Innovation HUB for Business Acceleration.
Criação e execução do primeiro Digital Innovation Hub da Internet do Futuro para a aceleração tecnológica das PMEs da Macaronésia.
Código do Projeto: MAC2/2.3d/335
Objetivo principal: Criar e executar o primeiro centro de referência tecnológica para o desenvolvimento de Ecossistema empresarial e empreendedorismo na Macaronésia, ligado ao desenvolvimento de serviços inteligentes baseados nas tecnologias da Internet do Futuro com ligação à rede internacional FIWARE iHub..
Região de intervenção: Canarias, Madeira, Açores e Cabo Verde
Entidade beneficiária:
Cabildo Insular de La Palma
Asociación de Empresas Tecnológicas INNOVALIA
SPEGC – Sociedad de Promoción Económica de Gran Canaria, S.A.U.
FGULL – Fundación General Universidad de La Laguna
MITI – Madeira Interactive Technologies Institute
ACIF – CCIM – Associação Comercial e Industrial do Funchal – Câmara de Comércio e Indústria da Madeira
FRCT – Fundo Regional para a Ciência e Tecnologia dos Açores
CCIPD – Câmara do Comércio e Indústria de Ponta Delgada
Associação Nonagon – Parque de Ciência e Tecnologia de S. Miguel
Universidad de Cabo Verde
NOSI-EPE – Nucleo Operacional de Sociedade para Informaçao, Entidade Publica Empresarial

Data de início: 1.9.2019
Data de conclusão: 31.12.2021
Custo total elegível: 899 337,22 €
Custo total elegível da ACIF-CCIM: € 56 000,00 €
Comparticipação FEDER 85%: 47 600,00 €
Comparticipação privada: 8 400,00 €

 

 

MERCAMARKT

Designação do Projeto: MERCAMARKT- Melhorar a competitividade dos mercados agrícola e artesanal da Área de cooperação MAC.
Código do Projeto: MAC2/2.3d/388
Objetivo principal: Aumentar a competitividade de nossos mercados agrícolas e artesanais e aumentar a venda dos produtos locais.
Região de intervenção: Canárias, Madeira, Açores, Senegal e cabo Verde
Entidades beneficiárias:
Ayuntamiento de Teguise
Ayuntamiento de Granadilla de Abona
Ayuntamiento de Vallehermoso
Ayuntamiento de Puntagorda
Câmara Municipal de Câmara de Lobos
Associação Comercial e Industrial do Funchal – Câmara de Comércio e Indústria da Madeira (ACIF-CCIM)
Câmara Municipal de Vila Franca do Campo
Dirección Regional de Agricultura del Gobierno de Azores
Dirección de Artesanía del Gobierno de Senegal
Asociación Nacional de Municipios de Cabo Verde (ANMCV)
Cámara Municipal de Praia
Cámara Municipal de Sal

Data de início: 1.11.2019
Data de conclusão:
31.10.2022
Custo total elegível:
1 329 758,35 €
Custo total elegível da ACIF-CCIM: 64 401,88 €
Comparticipação FEDER 85%: 54 741,60 €
Comparticipação privada: 9 660,28 €

 

 

SMART-ECO

Código do Projeto: MAC2/2.3d/358
Objetivo principal: Melhorar a competitividade digital das empresas e dos empreendedores nos territórios do espaço MAC
Região de intervenção: Canárias, Madeira, Açores, Senegal, Cabo Verde e Mauritânia
Entidade beneficiária:
Ayuntamiento de San Bartolomé de Tirajana
Ayuntamiento de Adeje
Ayuntamiento de Santa Cruz de Tenerife
Ayuntamiento de Candelaria
Associação Comercial e Industrial do Funchal – Câmara de Comércio e Indústria da Madeira (ACIF-CCIM)
Instituto de Desenvolvimento Empresarial do Governo da Madeira (IDE IP RAM)
Associação PCTTER – Parque de Ciência e Tecnologia da Ilha Terceira (TERRINOV)
Associação Comercial e Industrial da Ilha do Pico – ACIP
Parque de Tecnologías Numéricas de Diamniadio del Ministerio de Economía Digital de Senegal – PTN (Parc des Technologies Numériques de Diamniadio du Ministère de l’Economie Numérique – PTN)
Oficina de Organización y Metodos de la Secretaria General de la Presidencia de la República de Senegal- BOM (Bureau d´Organisation et Méthodes du Sécrétariat Général de la Présidence de la République de Sénégal BOM)
Agencia de Informática del Estado de Senegal – ADIE (Agence de l´Informatique de l´État du Sénégal)
Incubadora BIC ITIC de Cabo Verde
Instituto de Apoyo y Promoción Empresarial de Cabo Verde PROEMPRESA
Nucleo Operacional de la Sociedad de la Información de Cabo Verde (NOSI)
Camara de Comercio, de Industria y Agricultura del Gobierno de Mauritania – CCIAM (Chambre de Commerce, d’Industrie et d’Agriculture du Gouvernement de Mauritanie – CCIAM)

Data de início: 1.11.2019
Data de conclusão: 31.10.2022
Custo total elegível:
1 309 640,38 €

Custo total elegível da ACIF-CCIM:  84 002,45 €
Comparticipação FEDER 85%:  71 402,08 €
Comparticipação privada: 12 600,37 €

 

SMART-ECO D02 – Estudo Diagnóstico Economia Digital RAM AQUI

SMART-ECO D05 – Estratégia Economia Regional Inteligente RAM AQUI

 

 Web: https://www.smartecomac-on.com/smarteco/inicio

APP MAC-ON:

https://apps.apple.com/es/app/macon/id1555100488;

https://play.google.com/store/apps/details?id=com.santacruzdetenerife.macon&hl=es_419&gl=US

Facebook: Smart Eco

Instagram: @smarteco.mac

Twitter: @SMARTECOmac

 

 

 

SMARTBLUEF

 

 

Designação do Projeto: Consolidação da Aliança do Atlântica do Atlântico Central para a Competitividade das PME da Economia Azul
Código do Projeto: MAC2/2.3d/355
Objetivo principal: Aumentar a competitividade das empresas marinho-marítimas no espaço de cooperação MAC, implementando uma rede transnacional de agentes de apoio à inovação que promovam processos de inovação e internacionalização, aproveitando as sinergias, capacidades e recursos conjuntos.
Região de intervenção: Canárias, Madeira, Açores e Cabo Verde
Entidade beneficiária:
Cluster Marítimo de Canarias (CMC)
Sociedad Canaria de Fomento Económico, S.A. (PROEXCA)
Consorcio Plataforma Oceánica de Canarias (PLOCAN)
Centro Tecnológico de Ciencias Marinas (CETECIMA)
Instituto de Desenvolvimento Empresarial – IP – RAM (IDE IP-RAM)
Associação Comercial e Industrial do Funchal – Câmara de Comércio e Indústria da Madeira (ACIF-CCIM)
Agência Regional para o Desenvolvimento da Investigação, Tecnologia e Inovação (ARDITI)
Câmara do Comércio e Indústria dos Açores (CCIA)
Fundo Regional para a Ciência e Tecnologia (FRCT)
Sociedade para o Desenvolvimento Empresarial dos Açores, E.P.E.R. (SDEA)
Direção Regional dos Assuntos do Mar (DRAM)
Câmara de Comércio de Barlavento / Agremiação Empresarial (CCB/AE)

Data de início: 1.9.2019
Data de conclusão: 31.8.2022
Custo total elegível: 1 174 955,83 €
Custo total elegível da ACIF-CCIM: 84 002,45 €
Apoio financeiro nacional/regional 85%: 71 402,08 €
Comparticipação privada: 12 600,37 €

WEB: https://www.smartblueproject.com/

LINKEDIN: https://www.linkedin.com/company/smart-blue-f

TWITTER: https://twitter.com/SmartBlue_MAC

 

PLESCAMAC3

Designação do Projeto: PLESCAMACE3 – Terceira edição do Plano de Emergência em Saúde em caso de catástrofe na Macaronésia.
Código do Projeto: MAC2/3.5b/260
Objetivo principal: Desenvolvimento da 3.ª edição do Plano de Emergência Sanitária em caso de catástrofe na Macaronésia, cujas linhas de trabalho são prevenção, ação inicial e formação.
Região de intervenção: Canárias, Madeira, Açores e Cabo Verde
Entidade beneficiária:
Gestión de Servicios para la Salud y Seguridad en Canarias, (GSC)
Servicio Regional de Protección Civil y Bomberos de Madeira (SRPCBM)
Associação Comercial e Industrial do Funchal – Câmara de Comércio e Indústria da Madeira (ACIF-CCIM)
Servicio Regional de Protección Civil y Bomberos de Azores (SRPCBA)
Servicio Nacional de Protección Civil y Bomberos de Cabo Verde

Data de início: 1.1.2020
Data de conclusão: 
31.12.2022
Custo total elegível: 849 484,11 €
Custo total elegível da ACIF-CCIM: 39 125,91 €
Comparticipação FEDER 85%: 33 257,02 €
Comparticipação privada: 5 868, 89 €

 

MARGULLAR2

Designação do Projeto: Rede de Parques Arqueológicos do Espaço MAC – Conservar, valorar e divulgar a história marítima através do património submarino da Macaronésia
Código do Projeto: MAC2/4.6c/377
Objetivo principal: Preservar, valorizar e disseminar a História Marítima através do património subaquático da Macaronésia.
Região de intervenção: Canárias, Madeira, Açores, Senegal e Cabo Verde
Entidades beneficiárias:
Cabildo Insular de Lanzarote
“GESPLAN – Gestion y Planeamiento Territorial Medioambiental S.A.
* Incorporación por decisión Comité (procedente del proyecto SUBMARIMAC)”
Associação Comercial e Industrial do Funchal – Câmara de Comércio e Indústria da Madeira (ACIF-CCIM)
Secretaria Regional de Turismo e Cultura de Madeira (SRTC)
Agência para o Desenvolvimento da Cultura nos Açores (ADCA)
Direção Regional da Cultura dos Açores – Fundo Regional de Ação Cultural (DRAC)
Oficina Regional Multisectorial de la UNESCO para Africa del Oeste (Bureau Régional Multisectoriel de l´UNESCO pour l´Afrique de l´Ouest)
Dirección del Patrimonio Cultural del Ministerio de la Cultura de Senegal (Direction du Patrimoine Culturel du Sénégal)
Instituto do Patrimonio Cultural de Cabo Verde (IPC)

Data de início: 1.11.2019
Data de conclusão: 31.10.2022
Custo total elegível: 2 067 926,28 €
Custo total elegível da ACIF-CCIM: 129 357,96 €
Comparticipação FEDER 85%: 109 954,27 €
Comparticipação privada: 19 403,69 €

SABOREA

Designação do Projeto: SABOREA – Destinos turísticos Gastronómicos e Sustentáveis
Código do Projeto: MAC2/4.6c/365
Objetivo principal: Promover o turismo gastronômico como ferramenta para o desenvolvimento sustentável da Área de Cooperação MAC.

Objetivo específico: Aumentar a atratividade do patrimônio natural e cultural em áreas de interesse turístico

Atividades:

Criar um modelo de planeamento do destino turístico gastronômicos sustentável.
Análise e diagnóstico da situação: turismo gastronômico na Macaronésia.
Programa de participação e conscientização
Integrar a gastronomia como recurso fundamental para o desenvolvimento do turismo sustentável: rotas gastronômicas sustentáveis SABOREA
Criação de roteiros e rotas turísticas que valorizem os recursos naturais e culturais do território de cooperação.
Definição do sistema de participação, controle e monitoramento de rotas gastronômicas sustentáveis.
Promoção de roteiros e rotas gastronômicas sustentáveis.
Promoção e comercialização de destinos turísticos gastronômicos.
Criação e desenvolvimento de uma marca SABOREA
Organização de festivais gastronómicos.
Promoção online e offline SABOREA

Região de intervenção: Canárias, Madeira, Açores, Cabo Verde, Senegal e Mauritânia
Entidade beneficiária:
Cabildo Insular de Lanzarote
Cabildo Insular de Fuerteventura
Cabildo Insular de La Palma
Universidad de Madeira (Universidade da Madeira – UMA)
Associação de Casas do Povo da Região Autónoma da Madeira (ACAPORAMA)
Agência de Promoção da Cultura Atlântica (APCA Madeira)
Associação Comercial e Industrial do Funchal – Câmara de Comércio e Indústria da Madeira (ACIF-CCIM)
Secretaria Regional de Turismo e Cultura – Direção Regional de Turismo do Governo da Madeira (Direção Regional de Turismo da Madeira)
Associación Regional de Turismo (ART – Associação Regional de Turismo)
Agencia de Desarrollo de la Cultura en Azores (ADCA – Agência para o Desenvolvimento da Cultura nos Açores)
Dirección Regional de Turismo del Gobierno de Azores (Direção Regional do Turismo dos Açores – DRT)
Dirección de las Pequeñas y Medianas Empresas del Gobierno Senegal (DPME – Direction des Petites et Moyennes Entreprises du Sénégal)
Agencia Senegalesa de Promoción Turística (ASPT – Agence Sénégalaise de Promotion Touristique)
Instituto de Apoyo y Promoción Empresarial ProEMPRESA (Instituto de Apoio e promoção empresarial ProEMPRESA)
Agencia Nacional de Turismo del Ministerio de Comercio de Industria y Turismo de Mauritania (Office National du Tourisme – ONT)

Data de início: 1.11.2019
Data de conclusão: 31.10.2022
Custo total elegível: 2 442 627,43 €
Custo total elegível da ACIF-CCIM: 86 238,64 €
Comparticipação FEDER 85%: 73 302,84 €
Comparticipação privada: 12 935,80 €

 

 

 

Atividades a decorrer:

Jornadas Gastronómicas – Divulgação dos pratos regionais

VOLTURMARC

Designação do Projeto: Fortalecimento do Turismo de Vulcões na Macaronésia
Código do Projeto: MAC2/4.6c/298
Objetivo principal: O objetivo geral do VOLTURMAC é contribuir para o fortalecimento da conservação, proteção, promoção e desenvolvimento do património natural e cultural associado ao fenómeno vulcânico na Macaronésia através do fortalecimento do Turismo de Vulcões.
Região de intervenção: Madeira, Açores, Canárias e Cabo Verde
Entidade beneficiária:
Instituto Volcanológico de Canarias (INVOLCAN)
Instituto Tecnológico y de Energías Renovables (ITER)
Universidad de La Laguna (ULL)
Cabildo de Tenerife (Consejería de Política Territorial)
Cabildo de El Hierro (Geoparque de El Hierro)
Associação Comercial e Industrial do Funchal – Câmara de Comércio e Indústria da Madeira (ACIF-CCIM)
Associação Regional de Turismo, Turismo dos Açores
Universidad de Cabo Verde
Cámara de Turismo de Cabo Verde
Laboratorio de Engenharia Civil

Data de início: 1.1.2020
Data de conclusão: 31.12.2022
Custo total elegível: € 1 964 660,94
Custo total elegível da ACIF-CCIM: 51 742,58 €
Comparticipação FEDER 85%: 43 981,19 €
Comparticipação privada: 7 761,38 €

ECOTUR2

Designação do Projeto: Rede de Municípios para a implementação da estratégia transnacional do ecoturismo e através da criação de produtos ecoturísticos temáticos. 
Código do Projeto: MAC2/4.6c/394
Objetivo principal: Implementação da estratégia transnacional de ecoturismo através da otimização e estruturação da oferta ecoturística e da melhoria das ações de conservação e proteção do meio ambiente.
Região de intervenção: Madeira, Açores, Canárias, Cabo Verde e Senegal
Entidade beneficiária:
Ayuntamiento de Teguise /Canarias/España
Ayuntamiento de San Bartolomé de Tirajana /Canarias/España
Ayuntamiento de Granadilla de Abona /Canarias/España
Ayuntamiento de la Villa de Santiago del Teide /Canarias/España
Ayuntamiento de Los Llanos de Aridane /Canarias/España
Cabildo de El Hierro /Canarias/España
Ayuntamiento de Vallehermoso /Canarias/España
Camara Municipal de Porto Moniz /Madeira/Portugal
Camara Municipal de Lobos /Madeira/Portugal
Associação Comercial e Industrial do Funchal – Câmara de Comércio e
Industria da Madeira (ACIF-CCIM)
Associação de Promoção de Madeira (APM) /Madeira/Portugal
Câmara Municipal de Ponta Delgada /Açores/Portugal
Câmara Municipal de Lajes do Pico /Açores/Portugal
Câmara Municipal de Madalena do Pico /Açores/Portugal
Câmara Municipal de São Roque de Pico

Data de início: 1.1.2021
Data de conclusão: 31.12.2023
Custo total elegível: 2 848 632,42 €
Custo total elegível da ACIF-CCIM: 110 733,04 €
Comparticipação FEDER 85%: 94 123,08 €
Comparticipação privada: 16 609, 96€

I Missão de Cooperação ECO-TUR2 [+]

 

HORIZONTE 2020

INSULAE

O Projeto INSULAE é co-financiado pela Comissão Europeia, através do Programa Horizonte 2020, e tem como objetivo fomentar a implementação de soluções inovadoras para a descarbonização das ilhas da União Europeia. Este projeto teve início em abril de 2019 com uma duração de 4 anos. O orçamento do projeto ascende a doze milhões de euros, estando estimado para a RAM um orçamento de cerca de um milhão de euros.

Este projeto reúne 26 parceiros de diversos países, incluindo instituições de pesquisa, universidades, serviços públicos, municípios e empresas que atuam no setor da energia, sendo o consórcio liderado pelo centro de pesquisa espanhol CIRCE.

O objetivo do INSULAE é promover, através de demonstrações em três ilhas faróis localizadas na Croácia (Unije), na Dinamarca (Bornholm) e em Portugal (Madeira), a implementação de soluções inovadoras para a descarbonização das ilhas da União Europeia (UE).

Está planeado um conjunto de intervenções, diretamente ligado a sete casos de uso replicáveis, cujos resultados irão validar uma ferramenta de planeamento de investimentos que será posteriormente demonstrada em três ilhas seguidoras, localizadas em Espanha (Menorca), na Alemanha (Nordenrey), e na Grécia (Psara), e consequentemente no desenvolvimento de quatro planos de ação respetivos.

As três ilhas de demonstração escolhidas complementam-se em vários aspetos tais como: localização, tamanho, ligação com o continente, desenvolvimento económico, percentagem de renováveis e quantidade de emissões.

Pretende-se com as intervenções a desenvolver nas ilhas farol, demonstrar que os sistemas energéticos baseados em fontes renováveis são 40 a 70 % mais baratos do que a produção a diesel. Neste sentido, as ilhas intervencionadas pelo INSULAE, irão ter uma redução média de 11 % no consumo de combustíveis fósseis.

A ferramenta de planeamento de investimentos do INSULAE irá dar apoio à tomada de decisão para soluções com bom custo-benefício que visam à descarbonização das ilhas, evitando assim soluções mais dispendiosas como ligações HVDC ou cabos marítimos AC.

As três ilhas seguidoras demonstrarão a aplicação da ferramenta de planeamento de investimentos na caracterização das ilhas e na elaboração dos respetivos planos de ação, propondo os investimentos mais adequados que cumpram os objetivos estratégicos das ilhas.

Na Madeira, os parceiros do projeto são a EEM-Empresa de Eletricidade da Madeira, S.A. e a ACIF – CCIM – Associação Comercial e Industrial do Funchal – Câmara de Comércio e Indústria da Madeira.

Mais informações aceda aqui.

Nota de imprensa

 

ERASMUS PLUS

PARADOX

Projeto PARADOX – Innovative training approach in the technology-assisted environment for water management

 

A água é um recurso único e limitado. Um amplo abastecimento de água de boa qualidade é uma preocupação. E a potencial escassez de água existe. Na Europa, o público espera que a ciência e a tecnologia de gestão da água sejam incorporadas em políticas eficazes para ajudar a minimizar ou compensar impactos adversos. Tal integração leva tempo e existem desafios que incluem a necessidade de educar os decisores, incentivos necessários, métodos de quantificação de benefícios, incerteza na medição ou estimativa do desempenho tecnológico. A necessidade de princípios orientadores abrangentes como a sustentabilidade, e a falta de aplicação em larga escala de técnicas como a gestão adaptativa e os sistemas de gestão ambiental.

Existe uma necessidade proporcional de educar os decisores e partes interessadas sobre os potenciais benefícios derivados da aplicação de tais avanços. Tais esforços educacionais são necessários para integrar melhor a ciência, a tecnologia e a política da água, a fim de se fazer melhor uso da água disponível.

Os resultados do PARADOX asseguram que o fosso de conhecimentos não se alarga, aumentando assim conteúdos de formação disponível. O efeito prático é a aplicação de uma abordagem de formação inovadora no ambiente assistido por tecnologia, para a gestão da água, a fim de reduzir os atrasos desnecessários na implementação experimental em toda a Europa.

O programa de formação encontra-se a ser desenvolvido por parceiros do Reino Unido, Itália, Espanha, Portugal, Estónia, Roménia e Grécia, dos quais a ACIF-CCIM é a única entidade que representa Portugal e que tem como principal missão a divulgação dos resultados do Projeto.

Data de início: 1.9.2022

Data de conclusão: 28.2.2023

UMAR

O UMAR – Promoção da Arqueologia Subaquática como uma ferramenta inovadora para o desenvolvimento do turismo sustentável e inovador é um projeto europeu, financiado no âmbito do Programa Erasmus Plus

Este projeto reúne 7 parceiros de 5 regiões da europa com o intuito de promover o conhecimento e a valorização do património relacionado com a arqueologia subaquática em todas estas regiões, através da:
– Conceção e implementação de um programa comum de formação, dirigido aos profissionais do setor do turismo e da cultura, de forma a dotá-los de mais competências e de conhecimento sobre estes temas;
– Promoção da arqueologia subaquática como um produto turístico sustentável e inovador;
– Capacitação das organizações responsáveis por promover e preservar o nosso património subaquático, junto dos turistas e da comunidade local.
A ACIF-CCIM, enquanto entidade parceira deste projeto, conta com a colaboração do CEAM – Centro de Estudos de Arqueologia Moderna e Contemporânea.

Resultados esperados
1- A formação transnacional em e-learning sobre arqueologia subaquática para os operadores turísticos e culturais
O projeto prevê também a implementação de 5 cursos de formação em testes in situ em países parceiros para testar o novo curso de formação realizado e adaptá-lo com base no feedback recebido dos testes.
(2) Plataforma de e-learning
Conceção técnica de uma Plataforma de e-learning e recolha de informações e materiais a serem disponibilizados nas diferentes secções da Plataforma. Os parceiros irão inserir o conteúdo e lançar a plataforma com o objetivo de proporcionar uma formação em arqueologia subaquática aos interessados, bem como informação sobre sítios arqueológicos existentes e as suas atividades.
(3) Criação de Centros de Interpretação/Aprendizagem sobre arqueologia subaquática
Serão criados Centros de Interpretação ao longo da Rota dos Fenícios para melhorar e promover a arqueologia subaquática e enriquecer os conhecimentos dos turistas e cidadãos sobre este importante património cultural. A sua implementação começará com uma pesquisa sobre o estado atual deste tema, seguida da recolha de inputs e materiais, da definição de percursos de aprendizagem e de narração de histórias e, finalmente, da criação dos próprios Centros de Interpretação.

Parceiros
– A Rota dos Fenícios – Itália
– Região da Sicília – Itália
– ICUA – Centro Internacional de Arqueologia de Zadar – Croácia
– Fundação CEIMAR – Espanha
– Direção Regional de Turismo de Pafos – Chipre
– ACIF-CCIM – Portugal
– ARGO – Itália

Data de início: 10.1.2022

Data de conclusão: 9.1.2024

Saiba mais sobre o projeto AQUI

PRODERAM 2020

Informação a divulgar oportunamente

Em execução: 149.332,65€

Financiamento: 100%

Madeira 14-20 – Fundo Social Europeu

Programa Integrado de Formação – Ação PME 2020

Designação do Projeto: Programa Integrado de Formação – Ação PME 2020
Código do Projeto: M1420-07-3560-FSE-000003
Objetivo Principal: Este programa tem por objetivo melhorar as competências das empresas, nas seguintes áreas temáticas:
Gestão e organização empresarial para comércio e serviços
Transformação digital das PME’s
Privacidade e cibersegurança nas PME’s
Certificação da qualidade –a desmaterialização de procedimentos
Diferenciação e valorização dos produtos tradicionais
Hotelaria e restauração – tempo de renovação
Comércio automóvel e reparação – tempo de moderniza
Região de Intervenção: RAM
Entidade Beneficiária: ACIF-CCIM
Data de início: 01/04/2020
Data de conclusão: 31/12/2022
Valor total: 2 008 574,69€
Valor da comparticipação: 100%

 

 

Sessão de apresentação

Start typing and press Enter to search